Você já conhece a Mallu?

22 de julho de 2014


Hoje, felizmente, eu resolvi falar sobre uma cantora incrível. A Mallu (nome artístico de Maria Luiza), esposa do renomado Marcelo Camelo, ama compor e produzir musicas poéticas. Ela já gravou três álbuns de estúdio e ficou conhecida devido ao sucesso dos singles Velha e Louca, Tchubaruba, J1 e Shine Yellow.

Filha de uma paisagista e de um engenheiro, foi influenciada musicalmente  por seu pai. Ele, músico amador apaixonado por rock clássico, desempenhou um papel essencial na vida da cantora. A Mallu tem prioridades musicais singulares. Ama samba tropicalista, MPB e folk americano. Gosta de Johnny Cash, Bob Dylan, Belle and Sebastian e The Beatles. Ela sabe tocar banjo, gaita, escaleta, piano, ukelele e outros instrumentos. Ou seja, além de ser linda, compor musicas únicas e ter a voz doce, é inigualavelmente talentosa.

Pitanga é o meu álbum favorito por dois motivos: Ela amadureceu muito e escreveu a maior parte do repertório no próprio idioma (praticamente todas as musicas eram gravadas em inglês). A sua trajetória foi iniciada quando, aos quinze anos, juntou um bom dinheiro e produziu quatro musicas num estúdio. Em seguida, após disponibilizar elas no site MySpace, se destacou mundialmente e foi entrevistada por diversos jornais, emissoras e rádios. Depois, obviamente, ela conquistou todos nós com o seu jeito meigo e carinhoso de ser. Mallu anunciou a Banda do Mar (composta pela própria cantora, seu marido e Fred Ferreira) recentemente. O casal já havia se encontrado musicalmente ao gravar Janta, do álbum Sou. Eu sempre admirei a musica popular brasileira. Gosto de  Sambinha Bom, Por que você faz assim comigo?, Cena e Olha só, moreno.

Look do dia - Jardineira

21 de julho de 2014


Esse final de semana resolvi fotografar um look que já queria usar faz tempo. Finalmente tirei essa jardineira do guarda roupa e fiz um look fofo. A camisa que estou usando é da minha loja (essa) sei que a estampa não apareceu mas no próximo faço um look com ela em destaque. Minha bota para sair do coturno que vocês já não aguentavam mais ver looks com ele por aqui kk, e para complementar minha bolsa de franjas. 
Viram que mudei o visual? Agora tenho as pontas loiras \o/ realizei um sonho kkk. Quem tirou minhas fotos foi minha amiga @michelecarvs, desculpa mas não sei escolher poucas fotos, como sempre, postaria todas se pudesse. Caso queira ver as outras é só acompanhar meu instagram @stephgonzaga, estarei atualizando aos poucos. E vocês, o que acharam do look?

Eles gostam de você?

19 de julho de 2014


A maioria dos meus textos publicados aqui no blog, admito minha dificuldade em relação a auto aceitação. Tenho um certo "probleminha" - e sei que não somente eu - em sentir uma necessidade de agradar as pessoas a minha volta para que eu possa gostar de mim mesma e me sentir satisfeita com minha aparência. Muitas vezes sou cruel em relação as minhas escolhas, em questão de detestar determinada atitude pelo fato de outra pessoa, que seja importante ou não, ter criticado.

Esconder-me atras da maquiagem, eleva minha auto estima, mas não somente a minha, e sim de muitas outras garotas por ai. É como se você estivesse presa a algo e não se imagina longe disso. Por isso sempre estive a procura e admirar musicas que retratam isso, por um bom tempo Pretty Hurts da Beyonce foi minha musica predileta, agora Colbie Caillat emocionou a todos com sua musica e clipe Try, que incentiva garotas a se aceitarem sem maquiagem e grandes produções. Estou há uma semana escutando essa musica sem parar:
"Coloque sua maquiagem, faça as unhas, enrole o cabelo, corra um quilômetro a mais, continue magra para que eles gostem de você. Eles gostam de você?"

"Você não precisa se esforçar tanto. Você não precisa entregar tudo. Você apenas precisa se levantar. Você não precisa mudar nada, você não precisa tentar."

John Legend com um clipe muito emocionante, traz imagens de mulheres que enfrentam suas dificuldades em relação a sua aparência. Transmite o sofrimento para essa aceitação e finalmente a aceitação:
"Você arruma a maquiagem, só porque sim. Acho que você não sabe que você é linda. Experimenta cada vestido que você possui, você estava bem a meus olhos, há meia hora atrás. Você não tem que tentar, não tente."

Por que todas nós somos incrivelmente lindas e nos destacamos em determina característica. Não tente. Não tente agradar a todos ou mudar por uma conquista, mas aceite quem você é, e sei que aqueles que realmente gostam de você te aceitam igualmente, estarão sempre ao seu lado. É assim que encontraremos o amor verdadeiro, o nosso amor e do próximo.

Como criar sua fortuna

4 de julho de 2014


Grande maioria das pessoas tem o sonho do dinheiro fácil, como ganhar na loteria. Talvez ter uma grande ideia, revolucionar sua vida e de outras pessoas, através dessa, não seja nem um pouco simples ou fácil como parece. Algo que aprendi é, que na vida tudo vem naturalmente e as melhores coisas acontecem sem avisar. O que é suado dura por anos e o que vem do nada, pode partir do nada. 

Em uma certa fase de nossas vidas, quando estamos frente a frente ao vestibular e a decisão de nosso futuro, temos que enfrentar uma das escolhas mais importantes de nossas vidas, tal decisão que provavelmente guiará o resto dela, mas será correto escolhermos alguma profissão pelo simples fato de nos trazer muito dinheiro ou benefícios do tipo? Escolher algo que não nos faça feliz, no qual passaremos grande parte de nossas vidas atuando para ganhar um salário gordo no fim do mês vale apena? É, não gostaria de levar uma vida infeliz quanto. 

Estará sendo injusto consigo mesmo, querendo atuar na mesma profissão que fulano por estar rico através dela. Estará desistindo fácil daqui alguns anos, por ser quem seus pais desejaram que fosse. Estar abrindo mão de grandes escolhas, decisões e seu conforto possa ser difícil mas também possa ser a melhor decisão a tomar, pois tudo na vida há consequências, boas ou ruins e se entregar de cabeça, acreditar que seja possível, possa lhe trazer boas respostas ou o caminho certo a seguir. Vale sim a pena abrirmos mãos de grandes coisas e corremos riscos para seguirmos a carreira de nossos sonhos e conquistarmos cada um deles.

Tudo vem de escolhas, princípios, conexões e principalmente força de vontade, acreditar em si, na sua ideia, no seu sonho e no que você quer daqui para frente. Admito ser alguém muito esperançosa e que acredita muito em seu futuro, tenho grandes planos e muita vontade, mas poucas oportunidades e não, essa não é uma das desculpas que uso por não conseguir realizar um sonho ou não ser quem sempre quis ser, pois talvez ainda não tenha dado passos suficientes para chegar onde pretendo, talvez essa não seja a escolha certeira para meu futuro, ou talvez não deveria pensar tanto no amanha e viver mais essas minhas vontades e pequenas realizações. 

Querer ser fotografo, pintor, escultor, musico e etc, não importa, possam dizer que isso não lhe dará futuro ou uma renda de sobrevivência, mas pare para pensar e saiba que grandes pessoas se formaram em medicina e por um certo motivo ainda não conseguiram atuar, mas não somente nisso, como também em grandes outras áreas profissionais extremamente concorridas e promissoras. Não seja o que as pessoas querem que você seja, não se prenda ao dinheiro ou ao bom salario, uma boa dica é: Ganhe sua fortuna fazendo o que realmente gosta de fazer. Seja inovador ao máximo e não ache isso bom o suficiente, pois sempre podemos melhorar, sempre podemos alcançar o alem. Não se acomode a suas escolhas e busque mais, faça o que dizem ser impossível, caia diversas vezes mas tente novamente, pois um dia, uma hora, em algum estante, chegará em seu resultado. Basta acreditar em você e em suas escolhas.

Não adianta acreditar e não atuar, não fazer, não correr, não buscar. Como vi em alguns videos e ouvi em alguns conselhos, dê um passo todos os dias, nem que seja o mais simples, mas dê um passo, pois se o ano tem 365 dias, no final dele você terá dado 365 passos para realização de seu sonho. Crie metas e as realize, as risque de sua agenda e crie outras novas metas, pois a vida é uma busca, e nunca existirá um caminho sem obstáculos, pois isso é regra. 

Mas, o que custa?

26 de junho de 2014


Quantas vezes já desisti de meras vontades e desejos por achar simplesmente "idiota" demais, ao ponto de não ter aprovações e uma certa admiração das pessoas. Quantas vezes já fiz coisas com medo do que os outros iram pensar, não por destorcerem a minha imagem, mas por acharem idiota demais para que eu esteja perdendo meu tempo nisso, e ele perdendo seu tempo vendo/lendo/assistindo. Foram tantas chances desperdiçadas e quem sabe, se eu tivesse tentado, hoje não seria diferente? E todas as vezes que olhasse para trás, não me visse como uma garota ingenua, quieta e bobinha, mas sim, visse alguém repleta de atitudes e coragem para realizar suas vontades. Estive buscando opiniões e desistindo fácil de todas as minhas ideias, brilhantes ou não, mas nunca fui o suficiente para admirar meu trabalho, tanto quanto admiro o do próximo.

Mas o que custa tentar, fazer e ver no que vai dar? Acredito que quando se realmente quer, o primeiro olhar de desaprovação não é o bastante para você parar. Com essa determinação, qualquer um alcança o inesperado e se você estivesse dado ouvidos a quem lhe disse "não", hoje você seria alguém que não gostaria de ser. Suas escolhas podem não ser as das melhores, mas o que tráz admiração é sua coragem.